Notícias

+ Notícias

Motivação e Sucesso: Foco no essencial


Postado 29/08/2017

Há anos procuro mostrar às pessoas a importância do foco e explicar que a inteligência serve apenas para discernir o que seja essencial, importante e acidental. Em meu livro “O Poder do Entusiasmo e a Força da Paixão” - Editora Harbra, 1999 - discuto demoradamente esses conceitos. Em minhas aulas e palestras sempre afirmei que “viver com sabedoria é utilizar toda a inteligência e toda a vontade dirigidas para o essencial no momento presente.”

Com alegria e entusiasmo li há pouco tempo um livro que está sendo best seller no mundo inteiro - ESSENCIALISMO - de um inglês residente nos Estados Unidos chamado Greg Mckeown. Vale ler! Ele diz exatamente o que sempre procurei ensinar a meus alunos: você tem que ter foco e foco no essencial! Como diz o autor, “se você se sente sobrecarregado e ao mesmo tempo subutilizado, ocupado mas pouco produtivo, e se o seu tempo parece servir apenas aos interesses dos outros, você precisa ler este livro.” O essencialismo, como ele decidiu chamar, é um “método para identificar o que é vital e eliminar todo o resto, para que possamos dar a maior contribuição possível àquilo que realmente importa.”

Quando tentamos fazer tudo e ter tudo, realizamos concessões que nos afastam de nosso foco. Se não decidirmos onde devemos concentrar nosso tempo e nossa energia, outras pessoas decidirão por nós. Neste livro, Greg McKeown mostra que, para equilibrar trabalho e vida pessoal, não basta recusar solicitações aleatoriamente: é preciso eliminar o que não é essencial e se livrar de desperdícios de tempo. Devemos aprender a reduzir, simplificar e manter o foco em nossos objetivos.

Quando realizamos tarefas que não aproveitam nossos talentos e assumimos compromissos só para agradar aos outros, abrimos mão do nosso poder de escolha. O “essencialista” toma as próprias decisões – e só entra em ação se puder fazer a diferença.

Conheço muitas pessoas que deixaram de ser as protagonistas de suas vidas, as roteiristas de sua história por não saberem o que é essencial na vida ou por perderem o foco no essencial vivendo a reboque das outras pessoas.

E você?

Pense nisso:

  • Onde você quer chegar? O que quer ser? Como quer ser reconhecido(a)?

  • Você tem alicerçado sua vida em princípios e valores elevados?

  • Você é capaz de dizer “não” às coisas, convites e situações que estão fora do seu foco?

  • Você se concentra no essencial ou vive acidentalmente, fazendo somente coisas acidentais?

  • Você consegue ver a diferença entre coisas apenas importantes e as realmente essenciais em sua vida?

  • O que é essencial para você?

  • Qual é o seu foco?

Autor: Luiz Marins